MusicasGospelBrasil

Loading...

sábado, 12 de fevereiro de 2011

VAI QUE É TUA ! - missões urbana

Quantos de nós queremos ser usados por Deus?  Realmente queremos ser usados para a Sua glória?

A maioria dos crentes hoje em dia vai responder sim para estas perguntas. Mas,os crentes em sua maioria não estão sendo usados. Então, qual é o problema?

Para ser usado por Deus, você precisa de duas coisas: desejo e coragem. 

Sem desejo, você nunca fará nada; nem pra Deus, nem pra você mesmo. Para agir em qualquer situação, você precisa ter desejo, uma vontade profunda, ou você vai ficar parado. Imagine um cara que está com fome mas não deseja comer, ele vai morrer de fome. Muitos “querem” ser usado por Deus "se" Ele quiser agir. Eles oram, “Senhor, eu estou disposto a ser usado, se Tu queres me usar”. Isso não é desejo! Isso é religião! Fazendo ou falando o que você acha que deve ser feito ou falado. Desejo é uma coisa que vem do fundo do seu coração. Algo que se manifesta durante seu tempo sozinho com Deus. A coisa que se manifesta com lágrimas e gritos, implorando a Deus para usar a sua vida para a Sua glória. O mesmo que Raquel, a esposa de Jacó, fez quando ela o pegou pelas suas vestes e falou, “Dá-me filhos, senão morrerei!” Ela tinha um desejo tão forte de ter filhos que preferiu morrer em vez de viver sem eles. Essa tem que ser a nossa atitude em relação a ser usado por Deus. “Deus use a minha vida senão morrerei!”

Você também vai precisar de coragem. Desejo é querer fazer algo. Coragem é fazê-lo. Quando você começa a buscar a Deus e clamar para Ele usar a sua vida, Ele vai responder. Aí é que você vai precisar de coragem. A coragem de obedecer. A primeira razão pela qual os cristãos não falam de Jesus para os outros é... o MEDO. Medo de ser rejeitado. Medo de ser xingado. Medo do que eles vão pensar. Mas, cadê o medo do fato de que eles vão passar a eternidade no inferno sem Jesus, se você não falar? Eles precisam que você fale a verdade de Jesus Cristo, como Ele morreu na cruz no seu lugar e pagou o preço pelos seus pecados para que possa ser perdoado e ter a vida eterna.

Imagine o último jogo da copa do mundo de 2014: o Brasil chega a final. Maracanã lotado, e o time está perdendo de 2 a 1. O jogo está nos últimos minutos do segundo tempo. E, de repente, você está com a bola sozinho. Só você e o goleiro. Se você fizer o gol, o jogo vai para a prorrogação e provavelmente o Brasil vai ganhar, se não, o Brasil vai perder. Você está ouvindo a multidão gritando, o barulho é incrível. E na hora em que deveria chutar a bola, você pára. O MEDO te pegou, o medo de errar. E você pensa: “Se faço o gol, serei herói. Mas se eu perder ... Ai que vergonha”. Uma decisão tem que ser tomada logo. E, em vez de vencer a vergonha, você não chuta a bola, o jogo acaba, e seu time perde. Imagine o técnico. Imagine os outros jogadores. Imagine a multidão. Imagine a nação.Todo mundo gritando para você, “Porque você não chutou a bola?” Se você chutasse, pelo menos teria uma chance de fazer o gol. Mas se não chutar, jamais você vai fazer o gol.

É a mesma coisa com Deus e as coisas de Deus. Claro que existe a possibilidade de que alguém rejeite o evangelho. Claro que todo mundo sente medo às vezes. Mas isso não é desculpa para não agir. Se você nunca evangelizar alguém, eu posso te garantir que você nunca ganhará alguém para Jesus. Você tem que chutar a bola. Deus, nosso técnico, e todo os anjos do céu estão torcendo por você e gritando: “Chute a bola!” Chute a bola e deixe o resultado com Deus. Se a bola achar a rede, a glória é dEle e a satisfação é tua. Mas, pelo menos chute a bola

Nenhum comentário: